As coisas mudaram um bocado por aqui desde minha última atualização no blog. Fui demitida no início de abril e, desde então, sou mãe full time e dona de casa nas horas vagas. Talvez muita gente receberia essa notícia super bem mas pra mim foi difícil e doloroso. Em parte pela parte financeira porque, como já falei aqui, eu contribuía com o orçamento familiar, mas principalmente porque eu adorava meu trabalho, minha equipe, aquele momento de fazer algo diferente das coisas de casa.

Foi um baque pra mim. Tirei o mês de abril para descansar, desanuviar, me refazer. Engraçado que, quando peguei meu planner hoje, vi abril totalmente em branco e é exatamente essa sensação. Não fiz planos, me entreguei as minhas emoções, cuidei do meu filho, da casa – na medida do possível, e deixei Deus cuidar de mim. Foi um mês em branco. Passou.

Maio chegou e me deu de presente quatro dias incríveis em Visconde de Mauá/Vila de Maringá.  Volto para falar sobre essa viagem porque tenho várias dicas. Fui com Dudu e Lucas, além dos meus pais, irmã e cunhado e um casal de amigos. Cercada de amor, carinho e a energia incrível daquele lugar, senti mais uma vez que Deus estava ali cuidando de mim. Aliás, Ele cuida de mim em todos os momentos e em cada detalhe. E então comecei a organizar minha vida, traçar novos caminhos e botar a casa (metaforicamente e literalmente) em ordem.

Levei o tempo que precisei para voltar. Escrevo aqui sem cobranças, apenas um registro da minha vida e família. Hoje quis escrever e abrir esse assunto. Acho que lá na frente vou lembrar disso como o início de algo muito bom.

Orem e torçam por mim!